Delegacia virtual registra BOs de acidentes de trânsito

delegacia virtural

A Delegacia Virtual do Piauí abre uma nova modalidade de Boletim de Ocorrência (BO). Agora, quem tiver se envolvido em acidente de trânsito sem vítima, podem fazer o BO pela Internet, sem precisar se deslocar até uma delegacia de polícia.

O Boletim serve para os acidentes, do tipo colisões e abalroamentos, que não necessitam de detalhes dos fatos e não que não possuem vítimas lesionadas. O sistema está disponível desde a última sexta(16).

O anúncio foi feito pela Comissão de Modernização da Polícia Judiciária (CMPJ) e a Agência de Tecnologia da Informação (ATI).
“A inovação foi fruto de meses de trabalho e aperfeiçoamento de toda a equipe da Comissão, da Gerência de Administração de Recursos de Informática da Secretaria de Segurança Pública, contando com a valiosa parceria dos analistas de sistema da ATI e, ainda, com a experiência adquirida pelos policiais civis que atuam na Delegacia Virtual, cujo sistema foi testado incansavelmente, até ser disponibilizado ao público nesta sexta-feira (16)”, assim explicou Paulo Henrique Ferreira, escrivão e coordenador executivo da CMPJ.
Segundo o delegado João Paulo de Lima, presidente da CMPJ, e titular da Delegacia Virtual, “esta é mais uma facilidade dispensada ao internauta que poderá registrar seu boletim de acidente de trânsito sem vítima pela Delegacia Virtual, economizando tempo e sem precisar se deslocar até a delegacia”, explica o delegado.
Delegado João Paulo
João Paulo de Lima explica ainda que os acidentes de trânsito com vítima lesionada, ocorridos em Teresina, devem ser registrados na Delegacia de Repressão aos Crimes de Trânsito, enquanto tais acidentes ocorridos fora da capital deverão ser registrados na área de circunscrição do fato, geralmente na delegacia de polícia mais próxima do local do fato.
“Os Boletins de Ocorrência, referentes a acidente de trânsito sem vítima, nos quais não há necessidade de detalhamento dos danos causados e das circunstancias do fato, podem opcionalmente ser registrados na delegacia mais próxima do local da ocorrência”, afirma o delegado.
De janeiro a novembro, a Delegacia Virtual registrou 19.500 BOs relativos à perda, extravio ou inutilização de documentos e objetos. O número representa 43% dos boletins, da mesma natureza, registrados em todas as delegacias do Estado. O delegado acredita que com o novo sistema, esse número deve aumentar consideravelmente.
Nova interface
Na última sexta-feira, 16, uma nova interface para a Delegacia Virtual foi inaugurada. Nela, há opção para o registro de perda, inutilização ou extravio de documento ou objeto e a recém-inaugurada opção de registro de acidente de trânsito sem vítima. Também há campo específico para Ouvidoria e um manual de auxílio detalhado disponível na opção Ajuda.
Da redação
redacao@cidadeverde.com

Você pode deixar uma resposta, ou trackback do seu próprio site.

Deixe um Comentário